Esforço e Revelação (Dt. 10:1)

בָּעֵת הַהִוא אָמַר יהוה אֵלַי פְּסָל-לְךָ שְׁנֵי-לוּחֹת אֲבָנִים כָּרִאשֹׁנִים וַעֲלֵה אֵלַי הָהָרָה וְעָשִׂיתָ לְּךָ אֲרוֹן עֵץ

“Naquele mesmo tempo me disse ADONAY: Alisa duas tábuas de pedra, como as primeiras, e sobe a mim ao monte, e faze-te uma arca de madeira.” (Debharim/Deuteronômio 10:1)

Por que o Eterno pede a Moshé (Moisés) para alisar duas tábuas de pedra, de forma que o Eterno escrevesse os 10 Ditos novamente? Se o Eterno iria escrever, por que Ele próprio não providenciou as pedras, já prontas? A resposta pode estar na maneira como Ele deseja se relacionar conosco. Muita gente se decepciona, pois espera que o Eterno faça tudo: que Ele se revele, que Ele diga, que Ele proporcione experiências. Porém, o relacionamento que Ele deseja conosco é bem mais maduro do que isso: Ele só se revela, quando nós nos esforçamos para conhecê-Lo. Ele escolheu o ser humano para ser agente da Sua vontade sobre a terra, e não um expectador passivo maravilhado diante dEle. O Eterno realiza milagres diariamente, mas escolhe que nós sejamos participantes desse processo.

© 5775 – Qol haTorah (www.qol-hatora.org) – Proibida a reprodução sem consentimento prévio.

Comentários

comments