Ansiedade e Controle (Gn. 15:3)

וַיֹּאמֶר אַבְרָם–הֵן לִי לֹא נָתַתָּה זָרַע וְהִנֵּה בֶן-בֵּיתִי יוֹרֵשׁ אֹתִי

“Disse mais Abram: Eis que não me tens dado filhos, e eis que um nascido na minha casa será o meu herdeiro.” (Bereshit/Gênesis 15:3)

Abram (Abrão) estava apreensivo, pois não tinha mais qualquer esperança quanto a ter filhos, e coloca o fato diante do Eterno. Ainda assim, o Eterno responde que sua descendência seria extremamente numerosa. Muitas vezes, temos a ansiedade de tentar controlar nosso destino, e nos sentimos absolutamente perdidos quando as coisas estão totalmente fora do nosso controle. Esses, todavia, são os momentos que o Eterno mais escolhe para provar Sua fidelidade. Para deixar claro que devemos deixar que Ele esteja no controle, e para nos ensinar a lição de confiar nEle. A dificuldade de confiar no Eterno pode ser um sinal de que estamos tentando ser controladores, soberanos sobre nossas próprias vidas. Mas, Ele não divide sua glória. É importante lembrar que pertencemos a Ele, procurar descansar nEle, e lembrar que Ele cuidará de nós.

© 5776 – Qol haTorá (www.qol-hatora.org) – Proibida a reprodução sem consentimento prévio.

Comentários

comments