Arquivo da tag: orgulho

Sonhos (Gn. 40:5)

וַיַּחַלְמוּ חֲלוֹם שְׁנֵיהֶם אִישׁ חֲלֹמוֹ, בְּלַיְלָה אֶחָד–אִישׁ, כְּפִתְרוֹן חֲלֹמוֹ: הַמַּשְׁקֶה וְהָאֹפֶה, אֲשֶׁר לְמֶלֶךְ מִצְרַיִם, אֲשֶׁר אֲסוּרִים, בְּבֵית הַסֹּהַר

“E ambos tiveram um sonho, cada um seu sonho, na mesma noite, cada um conforme a interpretação do seu sonho, o copeiro e o padeiro do rei do Egito, que estavam presos na casa do cárcere.” (Bereshit/Gênesis 40:5)

Sonhos são uma das formas primordiais pelas quais o Eterno se comunica conosco. Esteja atento aos seus sonhos, pois frequentemente revelam grandes verdades. Mas, para compreendê-los adequadamente, é fundamental meditar sobre as Escrituras, para poder entender como o sonho se alinha com a vontade do Criador. Sonhos podem ser revelações, presságios, insights sobre nossa vida, mas também podem ser testes. Ore e reflita nas Escrituras, para melhor fazer uso deste canal de comunicação.

© 2013 – Kol haTorah (www.kol-hatorah.org) – Proibida a reprodução sem consentimento prévio.

Tesouros Pessoais (Gn. 37:9)

וַיַּחֲלֹם עוֹד חֲלוֹם אַחֵר וַיְסַפֵּר אֹתוֹ לְאֶחָיו; וַיֹּאמֶר הִנֵּה חָלַמְתִּי חֲלוֹם עוֹד וְהִנֵּה הַשֶּׁמֶשׁ וְהַיָּרֵחַ וְאַחַד עָשָׂר כּוֹכָבִים, מִשְׁתַּחֲוִים לִי

“E teve Yossef outro sonho, e o contou a seus irmãos, e disse: Eis que tive ainda outro sonho; e eis que o sol, e a lua, e onze estrelas se inclinavam a mim.” (Bereshit/Gênesis 37:9)

Embora nada justifique a ação dos irmãos de Yossef (José), é de se indagar se Yossef (José) não se expôs ao contar seu sonho a seus irmãos. Observe que ele não recebeu nenhuma ordem de fazê-lo, e poderíamos nos indagar se não foi o próprio Eterno que permitiu que ele tivesse uma lição de humildade. Devemos tomar muito cuidado com o quê e para quem revelamos nossos tesouros. Ao fazê-lo, muitas vezes por orgulho pessoal, podemos estar nos transformando desnecessariamente em alvos da ira alheia.

© 2013 – Kol haTorah (www.kol-hatorah.org) – Proibida a reprodução sem consentimento prévio.

Verdade Dolorosa (1 Rs. 13:33)

“Nem depois destas coisas deixou Yarovam o seu mau caminho; antes, de todo o povo, tornou a constituir sacerdotes dos lugares altos; e a qualquer que queria consagrava sacerdote dos lugares altos.” (Melachim Alef/1 Reis 13:33)

Há pessoas que rejeitam a verdade mesmo sendo repetidamente expostas a elas. Porque aceitar uma verdade dolorosa frequentemente implica em ter que deixar de lado o medo e o orgulho e ser capaz de se abrir para uma mudança. Esteja sensível aos sinais que o Eterno te dá, e não se deixe iludir por si próprio.

© 2013 – Kol haTorah (www.kol-hatorah.org) – Proibida a reprodução sem consentimento prévio.

Orgulho (Jr. 13:15)

“Escutai e dai ouvidos, e não sejais orgulhosos, pois YHWH falou.” (Yirmiyahu/Jeremias 13:15) 

YHWH adverte o povo de Israel para deixar de lado o orgulho, pois o orgulho pode fazer com que o homem deixe de ouvir a palavra que adverte contra a destruição. Há duas formas de deixarmos de ser orgulhosos: Pode ser por meio da nossa conscientização, ou pode ser sofrendo uma humilhação providencial. É preciso lembrar que nada somos perante o Rei do Universo, e assim termos a humildade de reconhecer que Ele sabe o que é melhor para nós.

© 2013 – Kol haTorah (www.kol-hatorah.org) – Proibida a reprodução sem consentimento prévio.