Arquivo da tag: foco

Abatimento e Transgressão (1 Rs. 21:4)

יָּבֹא אַחְאָב אֶל-בֵּיתוֹ סַר וְזָעֵף עַל-הַדָּבָר אֲשֶׁר-דִּבֶּר אֵלָיו נָבוֹת הַיִּזְרְעֵאלִי וַיֹּאמֶר לֹא-אֶתֵּן לְךָ אֶת-נַחֲלַת אֲבוֹתָי וַיִּשְׁכַּב עַל-מִטָּתוֹ וַיַּסֵּב אֶת-פָּנָיו וְלֹא-אָכַל לָחֶם

“Então AHabh veio desgostoso e indignado à sua casa, por causa da palavra que Nabhot, o jizreelita, lhe AHabh, quando disse: Não te darei a herança de meus pais. E deitou-se na sua cama, e voltou o rosto, e não comeu pão.” (Melakhim Alef/1 Reis 21:4)

AHabh (Acabe) era rei sobre Israel, e tinha muitas vinhas à sua disposição. No entanto, cobiçou aquilo que não poderia ter: a vinha de seu vizinho Nabhot (Nabote). E justamente aí esteve o princípio de uma transgressão gravíssima, que levaria à sua ruína. É saudável que o ser humano almeje conquistas, pois elas o estimulam a prosseguir se aperfeiçoando. Porém, levado ao extremo, o sentimento de frustração devido ao que não tem pode levá-lo à sua destruição. É importante sempre refletir sobre o que temos, para que a frustração do que não temos não nos tire a felicidade. Se AHabh (Acabe) tivesse atentado para o que tinha a seu dispor, e se alegrado perante o Eterno, teria sido capaz não só de ser mais realizado, como também de evitar por tudo a perder.

© 5776 – Qol haTorá (www.qol-hatora.org) – Proibida a reprodução sem consentimento prévio.