Dedicação e Resultado (2 Cr. 15:17)

וְהַבָּמוֹת לֹא-סָרוּ מִיִּשְׂרָאֵל רַק לְבַב-אָסָא הָיָה שָׁלֵם כָּל-יָמָיו

“Os altos, porém, não foram tirados de Israel; contudo o coração de Assa foi perfeito todos os seus dias.” (Divrê HaYamim Bet/2 Crônicas 15:17)

Como é possível o Tanakh dizer que Assa foi perfeito em seu coração, se não retirou os altos onde Israel idolatrava? Se lermos o contexto do capítulo, veremos que o estado espiritual de Israel era terrível, e que Assa chegou a se voltar até contra sua própria mãe, uma idólatra, por causa do Eterno. Porém, Assa era um ser humano, e o contexto em que viveu oferecia limitações. Assa não foi perfeito pelos resultados que atingiu, mas porque fez tudo o que pôde. Muita gente se deprime ao ver os resultados que atingiu em sua jornada de teshuvah, quando na realidade deveria se alegrar muitíssimo. Somos vistos pelo Eterno segundo a aplicação de nosso coração, e não pelo resultado da aplicação. Pois o resultado depende de muitos fatores que estão fora do nosso controle, tais como: o local onde estamos, os recursos à nossa disposição, as pessoas ao nosso redor, a lei civil, a circunstância de vida em que nos encontramos, etc. Pessoas igualmente dedicadas podem, portanto, ter resultados muito diferentes. E, às vezes, o menos dedicado pode até ter resultados mais favoráveis. Mas o coração voltado integralmente ao Eterno deve se alegrar sempre, pois será por Ele enaltecido.

© 2014 – Kol haTorah (www.kol-hatorah.org) – Proibida a reprodução sem consentimento prévio.

Comentários

comments